• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Quarta, 27 Outubro 2021    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Sáb.
 21° / 16°
Céu muito nublado com chuva moderada
Sex.
 18° / 16°
Céu muito nublado com chuva moderada
Qui.
 25° / 10°
Céu nublado com chuva fraca
Torres Novas
Hoje  26° / 12°
Céu limpo
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Direito de Resposta: Carpentier diz-se perplexo com António Rodrigues

Sociedade  »  2021-04-16 

“Ex.ma Sra. Diretora Inês Vidal

Remeto esta mensagem ao abrigo do direito de resposta (artigos 24º e seguintes da Lei n.º 2/99, de 13 de janeiro).

«No artigo que Jornal Torrejano publicou no dia 15 de abril de 2021 em http://www.jornaltorrejano.pt/sociedade/noticia/?n-e49571f0, é completamente falsa a afirmação “[…] é colocado na Rádio Torres Novas FM para acompanhar a vida daquela estação emissora” (4º parágrafo a contar do final). A gerência da rádio (que é uma sociedade por quotas de direito privado) é aprovada pelos sócios reunidos em Assembleia Geral. Importa referir que António Rodrigues é sócio da Radiotorres, lda, possuindo uma das quotas de maior peso. Portanto o correto é “[…] integra a gerência da Radiotorres, Lda, por vontade dos sócios”. Aliás, as funções que desempenha na rádio não têm qualquer relevância na linha editorial ou na produção de conteúdos. É ainda de sublinhar que a Torres Novas FM é um dos órgãos de comunicação social mais plurais do concelho de Torres Novas, e Nuno Carpentier tem defendido esta postura dentro e fora da gerência.

Apesar de ter chegado a trabalhar noutros concelhos, Nuno Carpentier tem residência fixa em Torres Novas desde o final de 2004. Assim, também não corresponde à verdade a frase, “Entretanto, os ventos começam a soprar adversos para os socialistas em Ourém e Carpentier fixa-se politicamente em Torres Novas como membro da assembleia municipal” (5º parágrafo a contar do final). Mais, esse parágrafo está todo ele mal formulado provocando uma interpretação errada dos factos. A verdade, é que o Município de Torres Novas havia mudado por completo os sistemas informáticos em 2015 e que desde essa altura estava deficitário em algumas áreas de conhecimentos técnicos muito específicos. Quando um órgão deliberativo aprova o mapa de pessoal, este não é nominal, não possui a indicação de qualquer nome de pessoa. Apenas consta uma descrição dos postos de trabalho com a indicação do número e de quantos estão ocupados ou vagos. Um lugar vago que pode ser ocupado por qualquer pessoa, após um processo de seleção que tem muitas etapas. Por outro lado, todas as posições de trabalho que Nuno Carpentier tem ocupado têm sido unicamente devido às suas competências técnicas e habilitações académicas, sendo infundada a suspeição que todo o paragrafo levanta.

O texto destacado “Especialista em Fraude” também é suscetível de causar confusão e faltar à verdade no contexto em que está formulado. As empresas de telecomunicações têm departamentos de combate à fraude compostas por técnicos qualificados que monitorizam as situações de risco e de fraudes. A estes técnicos é dado o nome de especialistas em fraudes ou gestores de fraude. Portanto, as funções que Nuno Carpentier desempenhou nas empresas de telecomunicações (TMN, Oniway e Radiomóvel) foram de combate às fraudes.

Pela presente confirma-se que a LUSOWEB tem vindo a proceder ao registo de diversos domínios que se destinam a serem utilizados por várias candidaturas em vários concelhos de norte a sul do país e esta semana fez o registo do domínio que é referido no artigo. Consideramos que é um comportamento normal, para uma empresa que se dedica ao desenvolvimento de páginas ou sites de Internet, em ano de eleições. Aliás, em eleições anteriores já tivemos situações idênticas que nunca suscitaram problemas. Estamos no mercado há quase 20 anos e sempre cumprimos (e continuaremos a cumprir) todas as regras legais e tecnológicas. Não usurpamos identidades. Apenas fazemos registos para terceiros ou criamos as infraestruturas tecnológicas para presenças na Internet, sempre no principio de confiança que todos os nossos clientes nos merecem e assumimos que legitimamente detêm os direitos dos nomes alvo de registo.

No caso concreto que referem na peça, recebemos um contato a solicitar o registo de um domínio de Internet com indicação do nome e o mesmo foi formalizado por email. Posteriormente recebemos a indicação para colocar a página que atualmente está online, com o slogan “Unidos por Odivelas” e aguardamos o envio de mais material (os conteúdos são da responsabilidade do cliente). Contudo, pela polémica que se gerou em torno deste domínio que não é salutar para qualquer das partes, tomámos a iniciativa de solicitar ao cliente mais informações sobre esta candidatura, nomeadamente quanto à legitimidade do nome pedido.

Consideramos que agimos dentro do quadro que são as regras de mercado, as regras tecnológicas da Internet e dentro da Lei. Contudo, é com alguma perplexidade que assistimos à reação de António Rodrigues que, ao que parece tinha uma campanha montada para um domínio de Internet que não possuía. Na LUSOWEB, aconselhamos sempre os nossos clientes a não divulgarem qualquer domínio enquanto não seja confirmado que o mesmo se encontra ativo.»

Espero com esta resposta repor a verdade, esclarecer as dúvidas e dissipar as suspeitas infundadas e caluniosas.

Com os melhores cumprimentos, Nuno Gomes Carpentier

NOTA DA DIRECÇÃO: Torres Novas é uma terra atrasada, mas nem oito nem oitenta: os leitores do JT percebem perfeitamente as funções de um “fraud specialist”, aliás como perceberam que os factos relatados sobre a entrada de NC na Câmara, e são factos, são os que constam numa queixa à Inspecção-Geral das Finanças. Cabe à Câmara, à Inspecção e a Nuno Carpentier fazerem a sua interpretação e darem deles a sua explicação. Ao que interessa: este jornal publicou e desenvolveu, na sua contextualização política, uma peça a partir de um comunicado da campanha de António Rodrigues. Até às nove horas da noite esperámos pelas respostas colocadas a Nuno Carpentier, que não surgiram. Aqui estão elas agora, e a candidatura de António Rodrigues vai ter de explicar isso do “Unidos por Odivelas”.

 

 

 

 Outras notícias - Sociedade


O poder do povo - anabela santos »  2021-10-17 

Dia 26 de Setembro, dia de Eleições Autárquicas e o povo, exercendo um direito e a cidadania, sai à rua dirigindo-se às urnas para depositar, de acordo com a sua consciência, o voto nos candidatos que considera que melhor responderão às necessidades da sua freguesia e concelho.
(ler mais...)


Voto inútil - mariana varela »  2021-10-17 

Os resultados das eleições do passado dia 26 de Setembro, às quais se candidataram uma quantidade considerável de forças políticas, revelam que a maioria dos torrejanos escolheu, mais uma vez, ser representada pelo Partido Socialista (PS) nos órgãos autárquicos.
(ler mais...)


Deus santo misericordioso: faltava esta! »  2021-10-14 

Não, hoje não há palhaços. Tenham paciência. Todos os que enviam mails indignados a perguntar “se não denunciam isto”, “uma vergonha”, todos os que mandam mensagens, “é um escândalo”, todos os que dizem por trás e calam-se, “que isto é o fim”, "porque não fizeram o mesmo que na casa reconstruída ao pé da Câmara, esta palhaçada medonha dentro de uma sala para o efeito e não em cima do telhado", a todos esses ofendidos, indignados e humilhados, pessoas e instituições do ramo, a toda essa gente capaz de rasgar as vestes desde que ninguém veja, fica dito: não, hoje não há palhaços.
(ler mais...)


Torres Novas/Autárquicas: freguesias, PSD/CDS em segundo (correcção) »  2021-10-07 

Uma distração motivada pelo facto de, no portal do eleitor, os resultados globais do concelho para as assembleias de freguesia ter sido apresentado globalmente, colocando no mesmo saco “Grupos de Cidadãos” (GIFA, MPNT, etc) levou-nos ao erro: o movimento Pela Nossa Terra não teve mais votos que o PSD/CDS para as assembleias de freguesia, averbando 2555 votos contra os 3464 dos social-democratas e centristas.
(ler mais...)


Alcorochel: população na fila para o médico às 3 da manhã, médica atende sentada no passeio »  2021-10-06 

Após a aposentação, em Fevereiro, do médico que servia a população de Alcorochel e Parceiros da Igreja, a administração da saúde tem feito deslocar temporariamente uma médica, normalmente a Dr.
(ler mais...)


Torres Novas/Autárquicas: PS perde quase mil votos mas mantém maioria na Câmara – a análise e os resultados »  2021-10-03 

Eram 30 795 eleitores, só 17 375 foram às urnas. Votaram pelo PS 7 865 eleitores, votaram contra o PS 8 822 eleitores. Mas os 45% de votos nos socialistas deram-lhe 71% de lugares no executivo, regras do senhor Hondt. Na Assembleia Municipal, a oposição está em maioria, 11 contra 10 vogais do PS.
(ler mais...)


Torres Novas: PS mantém maioria absoluta na Câmara »  2021-09-26 

O eleitorado socialista não se partiu como seria de esperar, com a brecha aberta pelo Movimento Pela Nossa Terra, liderado pelo ex-presidente da Câmara, António Rodrigues, e deu a maioria absoluta ao PS, que elege pela terceira vez Pedro Ferreira como presidente da autarquia torrejana, mesmo perdendo cerca de 1 000 votos face a 2017.
(ler mais...)


Estrada do Doural: alcatrão já dá canas »  2021-09-21 

A polémica estrada rural do Doural, entre a Ribeira Ruiva e Lapas, que foi passada a alcatrão pelo presidente da Junta de São Pedro, Lapas e Ribeira contra todos os argumentos da oposição e apesar de se situar em zonas de REN e RAN, o que implicava autorização para a obra, continua a dar que falar, mas agora pelas melhores razões.
(ler mais...)


Cabeço do Soudo: “arraial sobre rodas” dia 18 »  2021-09-12 

 É já sábado que a povoação de Cabeço do Soudo realiza uma iniciativa peculiar: na impossibilidade prática de se fazer a festa como nos tempos de antes da pandemia, a opção terá a forma de uma arruada, a partir das 16 horas de sábado, com um veículo que iniciará uma viagem que percorrerá as aldeias de Rexaldia, Pena e Casal da Pena e terminará, exactamente, no Cabeço do Soudo.
(ler mais...)


Bateu no fundo: vereador do urbanismo promove empreendimento imobiliário »  2021-09-03 

Quando se pensava que já nada mais era possível, que a loucura política tinha ultrapassado todos os limites, a maioria socialista afunda-se na credibilidade e na idoneidade políticas em mais um escândalo de envergonhar qualquer plateia.
(ler mais...)

 Mais lidas - Sociedade (últimos 30 dias)
»  2021-10-06  Alcorochel: população na fila para o médico às 3 da manhã, médica atende sentada no passeio
»  2021-10-14  Deus santo misericordioso: faltava esta!
»  2021-10-03  Torres Novas/Autárquicas: PS perde quase mil votos mas mantém maioria na Câmara – a análise e os resultados
»  2021-10-07  Torres Novas/Autárquicas: freguesias, PSD/CDS em segundo (correcção)
»  2021-10-17  Voto inútil - mariana varela