• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Segunda, 14 Junho 2021    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Qui.
 23° / 15°
Céu nublado com chuva fraca
Qua.
 29° / 17°
Céu nublado
Ter.
 35° / 17°
Períodos nublados
Torres Novas
Hoje  32° / 17°
Períodos nublados
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Ministro do Ambiente chama “infractor militante” à Fabrióleo

Sociedade  »  2016-09-28 

João de Matos Fernandes, ministro do Ambiente, chamou “infractor militante” à Fabrióleo, ontem, dia 27, numa audição da comissão de ambiente da Assembleia da República. O governante, sem papas na língua, diz que o Ministério conhece sobejamente os “muitos processos contra a Fabrióleo" e, fazendo uma síntese do processo que tem decorrido contra os poluidores da Ribeira da Boa Água, aludiu “aos muitos esforços para apanhar o infractor, um infractor que é na nossa opinião – precisa o ministro – um infractor militante, que tem criado um conjunto muito vasto de entraves que inibem uma actuação mais directa por parte do ministério”.

João de Matos Fernandes respondia no Parlamento a uma interpelação do deputado do Bloco de Esquerda Carlos Matias, que historiou o longo processo de embargos e contra-ordenações relacionados com as descargas clandestinas da empresa Fabrióleo, cujas consequências “têm infernizado a vida às populações e prejudicado negócios e actividades económicas na zona do bairro do Nicho”. O deputado perguntava ao ministro se não havia já infracções suficientes para decretar a suspensão de descargas de efluentes, tendo referido também a acção de outra empresa poluidora, a Componatura.

Esta intervenção assertiva do Ministro contrasta com a posição receosa da maioria socialista na câmara de Torres Novas. Na manifestação popular que decorreu no Bairro do Nicho, Pedro Ferreira teve o cuidado de dizer que “nunca falou em nomes” de empresas e há dias acedeu mesmo em reunir-se com a Fabrióleo nas instalações da Nersant, numa iniciativa que foi vista como subserviente. Nessa reunião, o autarca terá sido acusado de andar “ao colo do Bloco de Esquerda”, uma acusação que não faria caminho se Pedro Ferreira tivesse assumido uma posição mais ousada e corajosa, acompanhando o sentimento de revolta dos moradores.

 

 

 Outras notícias - Sociedade


Renova lança higiénico Divine »  2021-06-14 

A Renova acaba de revelar o seu novo papel higiénico “Divine”, “direccionado a todos os que procuram um papel higiénico verdadeiramente ímpar, com elevado grau de maciez e suavidade para o conforto na sua utilização, sem descurar a preocupação com a redução do consumo de plástico de uso único, sendo embalado em papel reciclável e biodegradável”, diz comunicado de imprensa da empresa.
(ler mais...)


O rio Almonda e o futuro da RENOVA - João Carlos Lopes »  2021-06-05 

1.

A Fábrica de Papel do Almonda, hoje assumidamente RENOVA, foi constituída em 1939 e começou a laborar no dia 3 de Maio de 1940. No local, margem direita do rio Almonda frente à povoação de Moinho da Fonte, existira em tempos mais recuados uma primitiva fábrica de papel que captava a água do rio através de uma vala (ainda não havia qualquer represa), elevando-a para dentro do edifício fabril com uma tarambola, construída na grande empreitada de 1825, adjudicada a Francisco Lopes Marques, um mestre de obras de Torres Novas.
(ler mais...)


Autárquicas 2021: CDU avança com Guedelha para recuperar lugar na vereação »  2021-05-17 

Nuno Guedelha, de 45 anos, é o cabeça-de-lista da CDU à câmara municipal de Torres Novas nas próximas eleições autárquicas. Este é o quarto candidato conhecido, depois de Tiago Ferreira (PSD), Pedro Ferreira (PS) e António Rodrigues (independente).
(ler mais...)


Impotência institucional - carlos paiva »  2021-05-10 

Segundo noticia a TSF, a Agência Portuguesa do Ambiente multou a Fabrióleo em 400 mil euros e ordenou a demolição de várias edificações ilegais, incluindo uma ETAR, presentes naquela unidade industrial.
(ler mais...)


Nascente do rio Almonda: recuperação de casa junto à barragem vai valorizar o local »  2021-05-10 

Um projecto de recuperação de uma casa e sua envolvência junto à nascente do rio Almonda, propriedade particular de Natércia Torrinha, pode ajudar a tornar o local mais aprazível a quem o visita, já que se pretende, também, garantir o acesso às margens do rio.
(ler mais...)


Vexame: 20 milhões para o rio Nabão, 5 milhões para o Alviela, meio milhão para o Almonda »  2021-05-07 

É verdade que não passam de promessa do Governo para empurrar câmaras socialistas em ano de eleições. Mas mesmo no campeonato das promessas, Torres Novas é humilhada.

 Em meados de Abril, o Ministério do Ambiente anunciou querer travar a poluição do rio Nabão com um investimento de cerca de 20 milhões de euros, destinados a obras de infraestruturas de combate à poluição, cuja principal causa é atribuída à estação de tratamento de Seiça, no concelho de Ourém.
(ler mais...)


António Rodrigues vai a jogo: “Estou a concorrer só para presidente da Câmara” »  2021-05-04 

Candidata-se para vencer, não esconde, mas admite que não há vitórias antecipadas. Não concorre contra ninguém, apenas por amor a Torres Novas: “O movimento P’la Nossa Terra nasceu antes das autárquicas de 2017.
(ler mais...)


Tudo e mais alguma coisa sobre o jardim do Almonda Parque: 100 anos e muitas histórias »  2021-04-23 

Foi horta durante séculos, logo pegada à fábrica de chitas, depois “social club”, picadeiro da cavalaria, campo de jogos, recinto de feiras e mercados para ser trucidado por um parque de estacionamento. Na posta restante, fica agora um pequeno jardim.
(ler mais...)


Carpentier abandona assembleia, PS diz que não tem nada que ver com o assunto »  2021-04-19 

Depois de uma fuga para a frente alegando que o registo do domínio lhe fora pedido por uma organização de Odivelas (pesquisa permitiu saber que nada disso seria verídico), a situação estava a tornar-se insustentável para Nuno Carpentier (o primeiro na foto junto a António Gameiro).
(ler mais...)


Direito de Resposta: Carpentier diz-se perplexo com António Rodrigues »  2021-04-16 

“Ex.ma Sra. Diretora Inês Vidal

Remeto esta mensagem ao abrigo do direito de resposta (artigos 24º e seguintes da Lei n.º 2/99, de 13 de janeiro).

«No artigo que Jornal Torrejano publicou no dia 15 de abril de 2021 em http://www.
(ler mais...)

 Mais lidas - Sociedade (últimos 30 dias)
»  2021-06-05  O rio Almonda e o futuro da RENOVA - João Carlos Lopes
»  2021-05-17  Autárquicas 2021: CDU avança com Guedelha para recuperar lugar na vereação
»  2021-06-14  Renova lança higiénico Divine