• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
Directora: Inês Vidal   |     Sábado, 23 de Setembro de 2017
Pesquisar...
Ter.
 28° / 13°
Períodos nublados
Seg.
 27° / 14°
Períodos nublados
Dom.
 29° / 11°
Períodos nublados
Torres Novas
Hoje  29° / 13°
Períodos nublados
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Mação: município avança com participação à IGAI para apuramento de responsabilidades nos incêndios florestais

Sociedade  »  2017-09-13 

A Câmara de Mação decidiu hoje avançar com uma participação à InsJeção Geral de Administração Interna (IGAI) para apuramento de responsabilidades no incêndio de julho, considerando "insatisfatório" o relatório que recebeu do Governo, noticia a Agência Lusa.

"Recebemos o relatório dentro do prazo que havíamos estipulado, que terminava hoje, e agradeço ao secretário de Estado [da Administração Interna, Jorge Gomes] por ter cumprido com a sua palavra mas, efectivamente, é um documento insatisfatório”, disse à Lusa o presidente da autarquia.

Vasco Estrela afirmou que o documento “é um conjunto muito incompleto, pouco detalhado, sem referência a quem tomou as decisões em cada momento relativamente às movimentações operacionais no terreno”, pelo que a assembleia municipal aprovou por unanimidade avançar com uma participação à IGAI, segundo o autarca, “para um apuramento cabal do que sucedeu e para apuramento de responsabilidades, se as houver".

A acção refere-se ao incêndio que lavrou em Mação entre os dias 23 e 27 de Julho, e que consumiu cerca de 18 mil hectares de floresta, atingiu 14 casas de primeira habitação e obrigou à evacuação de cerca de 30 aldeias, além de dez pessoas feridas e inúmeros bens destruídos, como barracões, palheiros, material agrícola e viaturas.

"Não podem arder 18 mil hectares sem que sejam apuradas todas as responsabilidades e este relatório não satisfaz, não indica quem tomou determinadas decisões sobre uma cada vez mais evidente retirada de meios de Mação, sobre quem os posicionou e porque motivos, e não nos dá acesso à fita do tempo”, critica Vasco Estrela, assinalando o pedido à IGAI com o objetivo de ser “uma entidade independente a explicar tudo o que se passou”.

No relatório, a que a Lusa teve acesso, a ANPC justifica as dificuldades no combate ao incêndio em Mação com a dispersão de meios por outras ocorrências na região e um quadro meteorológico "extremamente agressivo".
Nesse dia, segundo o documento, houve 108 fogos, quase metade entre as 12 e as 18 horas, 17 dos quais no distrito de Castelo Branco.

 

 

 Outras notícias - Sociedade


Torres Novas: PS faz campanha com obras fantasma de milhões de euros »  2017-09-20 

A campanha eleitoral do Partido Socialista em Torres Novas está a ser marcada por métodos nunca vistos, indo ao ponto de publicitar, em outdoors gigantes, obras fantasmas que nunca viram a luz do dia, ao mesmo tempo que se divulgam os milhões de investimento nas referidas obras.
(ler mais...)


Julgamento da Fabrióleo: moradores desapontados com a sessão de hoje no tribunal »  2017-09-18 

Prosseguiu hoje, segunda-feira, no Tribunal de Torres Novas, mais uma sessão do julgamento de um processo que opõe o Ministério Público à Fabrióleo, relacionado com a poluição na ribeira da Boa Água.
(ler mais...)


Constância: desporto aventura animou vila durante o festival das grandes rotas »  2017-09-18 

Actividades desportivas ao ar livre como canoagem, rappel, slide, aquabird, aquaball, stand up paddle e vertical playpen, marcaram o conjunto de iniciativas que decorreram em Constância entre os dias 9 e 17 de Setembro, no âmbito do festiva das grandes rotas – do Tejo e Zêzere.
(ler mais...)


Torres Novas: incêndio deflagrou em Rio Frio junto ao viaduto »  2017-09-17 

Um incêncio em zona de hortas e instalações agrícolas deflagrou hoje, cerca das onze horas da manhã, na zona de Rio Frio, imediamente junto ao viaduto que liga a avenida marginal ao largo Rossio, em Torres Novas.

As chamas tiveram início na margem direita do rio, em zona de matos e restolhos da encosta que sobe a São Domingos e acabaram por não atingir quaisquer bens dignos de nota.
(ler mais...)


Torres Novas: campistas celebram 50 anos »  2017-09-17 

Meio século. O Clube de Campismo Torrejano celebra este sábado, dia 23 de Setembro, meio século de existência, com a realização de um jantar (20 horas), para o qual estão convidados a participar todos os sócios e amigos do clube.
(ler mais...)


“As pessoas do campo ensinaram-me coisas espectaculares e que me valeram muito” »  2017-09-17 

Joaquim Santana, tem 82 anos - faz 83 no dia 27 de Setembro. Nasceu em Riachos em 1934 e dedicou quase toda a sua vida ao rancho folclórico de Riachos. No passado dia 27 de Agosto foi descerrada uma placa toponímica na qual está inscrito o seu nome, que passou também a ser nome de rua, junto ao Centro de Saúde.
(ler mais...)


Trânsito vai ser suspenso durante duas semanas na Avenida João Paulo II »  2017-09-14 

Os trabalhos de pavimentação da Avenida João Paulo II, na entrada de Torres Novas entre o nó da A23 e a rotunda de acesso às avenidas Andrade de Corvo e 25 de Julho, vão obrigar ao corte do trânsito naquela artéria entre os dias 18 de Setembro e o dia 2 de Outubro, no sentido Riachos-Torres Novas.
(ler mais...)


Constância: jardim de Camões alvo de reabilitação »  2017-09-14 

Estão prestes a iniciar-se os trabalhos de reabilitação do Jardim-Horto de Camões, anunciou a direcção da Casa-Memória de Camões em Constância. O espaço, projectado pelo arquitecto Gonçalo Ribeiro Telles, é considerado o mais vivo e singular monumento erguido no mundo a um poeta.
(ler mais...)


Autárquicas: PSD aposta em gestão “mais próxima” dos cidadãos na UF Santa Maria, Salvador e Santiago »  2017-09-14 

O PSD apresentou na terça-feira, dia 12 de Setembro, a candidatura à União de Freguesias de Santa Maria, Salvador e Santiago (Torres Novas), num jantar que decorreu no Carreiro da Areia. Tiago Ferreira, cabeça-de-lista àquela assembleia de freguesia, apresentou as linhas gerais da candidatura que tem como lema “Coração e Determinação”.
(ler mais...)


Autárquicas: Presidente da Câmara de Ourém diz-se alvo de "estratégia armadilhada" para evitar a sua recandidatura »  2017-09-13 

O socialista Paulo Fonseca disse que foi alvo de uma "estratégia organizada e armadilhada" que conduziu à sua inelegibilidade ao município de Ourém, no distrito de Santarém, por decisão do Tribunal Constitucional (TC).
(ler mais...)

 Mais lidas - Sociedade (últimos 10 dias)
»  2017-09-17  Torres Novas: incêndio deflagrou em Rio Frio junto ao viaduto
»  2017-09-20  Torres Novas: PS faz campanha com obras fantasma de milhões de euros
»  2017-09-18  Julgamento da Fabrióleo: moradores desapontados com a sessão de hoje no tribunal