• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
  Segunda, 22 Julho 2019    |      Directora: Inês Vidal    |      Estatuto Editorial    |      História do JT
   Pesquisar...
Qui.
 32° / 17°
Períodos nublados
Qua.
 36° / 17°
Períodos nublados
Ter.
 31° / 17°
Períodos nublados
Torres Novas
Hoje  37° / 16°
Céu limpo
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Associação do Património denuncia abate de choupos na Ribeira

Sociedade  »  2019-04-17 

 Ontem, dia 16 de Abril, foram cortados pela base vários choupos em bom estado, junto ao mouchão do rio Almonda, na ponte entre as Ribeiras. Mais cinco árvores estarão marcadas para abate, todas árvores de grande porte, sem sinais evidentes de doença ou secura, e com funções ecológicas relevantes, denuncia a Associação do Património de Torres Novas em comunicado de hoje, 17 de Abril.

A Associação diz que stão afixados no tronco os avisos “ÁRVORES EM PERIGO DE QUEDA” em árvores que fazem parte de um choupal e de uma galeria ripícola - o corredor verde que emoldura o rio e que lhe traz sombra e que permite que haja vida, no rio e nas suas margens, e piqueniques em locais frescos durante o verão, dia ainda a ADPTN.

“Interrogamo-nos sobre a pertinência deste corte raso de árvores, especialmente quando decorre num sítio emblemático para os torrejanos como é o Almonda na Ribeira, a Ponte da Ribeira, a praia da Ribeira. Depois de todo o alarido em torno da construção da estação elevatória, com promessas de requalificação paisagística, assistimos a mais um ataque tanto à qualidade da paisagem ribeirinha e às funções ecológicas deste espaço, como às populações das aldeias vizinhas que valorizam este local de modo especial”, pode ainda ler-se no comunicado.

A ADPTN considera que se trata de um exemplo do alarmismo típico que antecede o desaparecimento da vegetação ribeirinha, a que há anos se assiste em Torres Novas a uma desinformação sobre as funções das árvores nas margens das linhas de água: que impedem a progressão das águas, ou que a represam e provocam inundações. Mas a estes argumentos que demonizam a presença de árvores, contesta a ADPTN, ninguém acrescenta que a manutenção das árvores e restante vegetação garantem a estabilidade das terras, impedem o assoreamento do rio, regulam a temperatura da água, diminuem a evaporação e retardam a progressão das águas, tão importante em episódios de cheias rápidas.

“É importante referir que o rio Almonda é a base de um corredor ecológico, definido tanto no Plano Regional de Ordenamento do Território como no Plano Regional de Ordenamento Florestal. Estes planos, que vinculam as câmaras municipais, preconizam a manutenção e promoção das funções ecológicas associadas ao rio, e isso não tem vindo a acontecer”, conclui a Associação, para dizer que “é hora de os torrejanos conhecerem o que vai acontecer ao rio Almonda, às suas árvores e margens, é hora de parar de matar o rio, é hora de começar a preservar o que é de todos”.

A esta posição da ADPTN associam-se ainda a associação Viver Almonda e a “Trinta por Uma Linha”

 

 

 Outras notícias - Sociedade


Olá cidade! »  2019-07-09 

Torres Novas comemorou ontem, dia 8 de Julho, mais um aniversário da elevação a cidade. Dias antes, terá havido em local apropriado mais uma jornada, mais uma, de apresentação de obras digitais. Milhões de flores entre as ruínas, como diz a canção.
(ler mais...)


Legislativas: PSD agastado, PS calado, Bloco rachado, PCP ao lado »  2019-07-06 

As listas dos candidatos às legislativas de Outubro, pelo distrito de Santarém, estão na ordem do dia e mobilizam as máquinas partidárias. São processos em que corre sempre algum sangue, com os contendores a evocarem “a vontade do povo”, “o povo do distrito” e outros argumentos patéticos para justificar intenções, vontade e decisões, quando elas passam e só, pela arregimentação de militantes.
(ler mais...)


Judite Gonçalves, proprietária de loja de ferragens no largo da botica: “Vim para ficar, pelo menos mais trinta anos” »  2019-07-04 

Judite Gonçalves tem 50 anos e é natural de Tomar, embora viva desde sempre no concelho de Torres Novas. Filha de pai outeirense e mãe moreirense, há 30 anos que reside no Outeiro Pequeno. Nunca antes

Um ramo de flores vermelhas no balcão recebe-nos quando entramos e vemos que alguma coisa mudou por ali.
(ler mais...)


Petição pelo fim imediato e definitivo dos aterros no aeródromo de Pias Longas »  2019-06-30 

Corre na net e tem já dezenas de subscritores uma petição pública exigindo o fim imediato e definitivo dos aterros no “aeródromo de Pias Longas”, um projecto implantado na fronteira entre os concelhos de Ourém e Torres Novas, no caso do município torrejano em território da freguesia de Chancelaria, próximo do Senhor da Serra e dos Moinhos da Pena.
(ler mais...)


Master D Portugal – conheça a história e as opiniões sobre este centro de formação »  2019-06-27 

PUB.

Master D Portugal – conheça a história e as opiniões sobre este centro de formação

Encontrar um trabalho ainda é uma tarefa preocupante para os jovens e adultos.
(ler mais...)


Catarina Picton Santos: “Manter viva esta escola é uma homenagem à minha mãe” »  2019-06-21 

Esta não é a história de uma mulher num lugar outrora reservado a homens. É muito mais do que isso.
É a história de uma mulher, de um exemplo, de um legado e das mulheres que a sucedem.
(ler mais...)


Aterro do aeródromo continua perante a passividade da maioria socialista »  2019-06-09 

Aquilo que poderá ser um enorme atentado ecológico contra o território do concelho, continua como se nada fosse. Num mês, mais algumas toneladas foram acrescentadas ao aterro do alegado aeródromo de Pias Longas.

O avanço dos aterros, segundo os limites administrativos entre Torres Novas e Ourém, entrou agora muito mais de 200m no concelho de Torres Novas, perfazendo uma área de implantação de mais de 20 000 metros quadrados.
(ler mais...)


Ainda as eleições: Tomar, Abrantes e Mação em queda acentuada num distrito quase todo a encolher »  2019-06-06 

Nos últimos cinco anos, o distrito de Santarém perdeu mais de 15 mil eleitores. Dos 21 concelhos, 20 deles perderam eleitores e vão continuar a perder população. Apenas o concelho de Benavente dá conta de um aumento, resultado da sua proximidade com a área metropolitana de Lisboa, onde o rio o liga a outro concelho ribatejano a crescer, o de Vila Franca de Xira.
(ler mais...)


Escola Maria Lamas: alunos de Humanidades debateram a Europa »  2019-06-03 

Os alunos de Línguas e Humanidades, dos 11º e 12º anos, da Escola Secundária de Maria Lamas, debateram no dia 3 de Junho o projecto europeu, durante o Colóquio “Europa, para que te quero”. Esta actividade foi uma organização conjunta das disciplinas de Ciência Política, História, Geografia e História da Cultura e das Artes.
(ler mais...)


Vitória pífia do PS nas Europeias de ontem: do poucochinho de Seguro ao poucochito de Costa »  2019-05-27 

Ao contrário do que os comentadores se apressaram a dizer na noite de ontem, a vitória do PS/Costa nas Europeias deste ano foi uma vitória pífia: os socialistas tiveram um aumento de votos menor que do que o da direita que formou a coligação de há cinco anos acabou por averbar.
(ler mais...)

 Mais lidas - Sociedade (últimos 30 dias)
»  2019-07-04  Judite Gonçalves, proprietária de loja de ferragens no largo da botica: “Vim para ficar, pelo menos mais trinta anos”
»  2019-06-30  Petição pelo fim imediato e definitivo dos aterros no aeródromo de Pias Longas
»  2019-07-06  Legislativas: PSD agastado, PS calado, Bloco rachado, PCP ao lado
»  2019-06-27  Master D Portugal – conheça a história e as opiniões sobre este centro de formação
»  2019-07-09  Olá cidade!