• SOCIEDADE-  • CULTURA  • DESPORTO  • OPINIÃO
Directora: Inês Vidal   |     Segunda, 23 de Abril de 2018
Pesquisar...
Qui.
 24° / 11°
Céu limpo
Qua.
 23° / 13°
Períodos nublados
Ter.
 28° / 15°
Períodos nublados com chuva fraca
Torres Novas
Hoje  27° / 13°
Períodos nublados com aguaceiros e trovoadas
       #Alcanena    #Entroncamento    #Golega    #Barquinha    #Constancia 

Meia Via: teatro estreia comédia no dia 29 de Abril e afirma compromisso de manter actividade teatral

Cultura  »  2017-04-21 

O Teatro da Meia não pára e prepara-se para apresentar um novo trabalho, já no dia 29 de Abril (21h30). Trata-se de uma comédia “Falar a Verdade a Mentir”, uma produção que nasce a partir de um texto de Almeida Garrett e que “promete fazer soltar muitas gargalhadas”.

A peça é encenada por Hugo Gama e no elenco conta com António José Paz, Carlos Maia Henriques, Fábio Carvalho, Liliana Domingos, Sandra Vieira, José Carlos Batista e Ricardo Teixeira.

A história resume-se assim: Brás Ferreira é um antigo negociante do Porto, vem a Lisboa para pôr à prova Duarte, o noivo de sua filha Amália, a fim de testar a honestidade do seu futuro genro. Se o apanhar numa mentira o casamento não se realizará. Duarte, após alguns meses, já ganhou o vício da capital e encontra-se agora na eminência de inventar mais uma das suas. Felizmente Joaquina, a empregada e fiel confidente de Amália, a quem havia prometido um dote, e José Félix, seu namorado alfacinha e “choffer” particular do Coronel Lemos, um amigo influente da família de Duarte, juntam-se à comédia para ajudar os apaixonados e tentar fazer das mentiras verdades.

“Falar a Verdade a Mentir” estreia no dia 29 de Abril, no Teatro Maria Noémia e estará ainda em cena no dia 30 de Abril, às 16 horas e nos dias 5 de Maio às 21h30, 7 de Maio, 16 horas, bem como no dia 12 de Maio, às 21h30.

Este trabalho surge numa altura em que o grupo de Teatro da Maia Via celebrou o 16.º aniversário, enquanto associação cultural. A data foi festejada no dia 19 de Abril, no Teatro Maria Noémia, juntando-se na ocasião sócios e amigos “que têm ajudado a crescer a associação”.

Liliana Domingos a Presidente do Teatro Meia Via agradeceu a presença de todos referindo que o teatro faz-se de vontades: “Importante é ter vontade porque isto é feito de pessoas, este é um grupo fantástico, estamos todos a trabalhar para o mesmo e com muito gosto, porque afinal somos um grupo amador, fazemos as coisas porque gostamos e não porque queremos, para que o teatro nunca morra na Meia Via”.

Fundado a 19 de Abril de 200, o Teatro Meia Via, Associação Cultural de Torres Novas, nasceu para dar desenvolvimento à actividade teatral já com muitas raízes na aldeia. Ao longo destes 16 anos apresentou cerca de 17 produções, entre participações e colaborações noutras iniciativas como a Feira Medieval de Torres Novas ou o Festival Materiais Diversos. Nunca deixou também de assinalar sempre o Dia Mundial do Teatro.

Já apresentou espectáculos em vários pontos do país, destacando-se a sua participação no Festival Nacional de Teatro Amador que se realizou na Póvoa do Lanhoso. Aí, com a peça “Felizmente há lugar” venceu o Prémio Ruy de Carvalho, para melhor espectáculo, ganhando ainda o prémio para melhor representação masculina, por Carlos Maia e uma menção honrosa para Elsa Vieira, pela encenação. Recebeu ainda a Medalha de Mérito Municipal da Cultura entregue pela Câmara Municipal de Torres Novas.

 

 

 

 Outras notícias - Cultura


Atalaia: arte urbana de Vhils homenageia oleiros »  2018-04-23 

Está concluída a primeira intervenção artística em espaço público no âmbito do projecto ARTEJO. A obra do artista português Alexandre Farto (Vhils) foi executada nos últimos dias e já pode ser apreciada pelo público na Atalaia, concelho de Vila Nova da Barquinha.
(ler mais...)


Bons Sons: radiografia de um amor de verão »  2018-04-15 

Há várias dimensões a analisar quando se trata de avaliar um festival e o BONS SONS passa com distinção em todas. O estudo realizado junto do público do festival mostra que há todo um país a convergir a Cem Soldos, em Agosto.
(ler mais...)


Jorge Fazenda lança livro de memórias dia 21 »  2018-04-06 

“Nas longas caminhadas por montes e vales que diariamente fazia nos arredores, travava conhecimento com um mundo fantástico que, aos poucos, ia substituindo aquele a que toda a vida julgara pertencer”: não se sabe onde fica a elevação em que se ergue uma antiga árvore agora confidente do autor e, mais que isso, criatura irmã de uma vida finalmente reconfigurada e atada aos fios das gerações anteriores, não só de homens e mulheres, mas também de outras plantas e árvores, bichos, cheiros, ventos, aragens e sombras.
(ler mais...)


Barquinha: boa música com Pedro Jóia e Sopa da Pedra »  2018-04-06 

A igreja matriz da Atalaia vai ser o palco para a actuação do virtuoso e multifacetado guitarrista Pedro Jóia, no próximo dia 14 Abril, pelas 22 horas.
“Observar Pedro Jóia e a sua guitarra é vislumbrar um único corpo.
(ler mais...)


Teatro Virgínia: “Sopro, um solo de dança”, por Sofia Neuparth »  2018-02-28 

Sofia Neuparth e o c.e.m. – centro em movimento, trazem ao Teatro Virgínia um solo de dança, acompanhado de conversa, no dia 10 de Março, às 21h30.
Segundo Sofia Neuparth, «Sopro é um estudo do nascer do gesto que traz ao encontro a alegria de ser movimento! Não se é corpo sozinho.
(ler mais...)


Barquinha: workshop de escrita criativa »  2018-02-26 

O Centro de Estudos de Arte Contemporânea, em Vila Nova da Barquinha, acolhe nos dias 2 e 3 de Março um workshop de escrita criativa, que contará com a dinamização de Nuno Garcia Lopes. A inscrição para esta iniciativa custa 25 euros (para sócios é 20 euros).
(ler mais...)


Exposição evoca 120.º aniversário de Maria Lamas »  2018-02-21 

É inaugurada no Dia Internacional da Mulher (8 de Maio), a exposição “MULHERES, PAZ, LIBERDADE //MARIA LAMAS”, naquela que pretende ser um “homenagem singela a esta figura ímpar da cultura portuguesa” no ano em que se celebra o 120.
(ler mais...)


Barquinha: “A terceira margem e as ruínas circulares”, é título de exposição de João Seguro »  2018-02-08 

A exposição “A terceira margem e as ruínas circulares”, de João Seguro, pode ser visitada na Galeria do Parque, em Vila Nova da Barquinha, entre 17 de Fevereiro e 27 de Maio de 2018.

Numa apresentação desta iniciativa, João Pinharanda, o curador, realça que João Seguro trabalhou algumas semanas nas residências de Verão em Vila Nova da Barquinha em 2107.
(ler mais...)


Prolongamento da exposição de Luís Rodrigues no Convento do Carmo »  2018-02-08 

Vai estar patente até ao próximo dia 2 de Março a exposição de pintura e cerâmica “Correspondências – técnica mista”, na qual se revela parte da mais recente doação do artista Luís Rodrigues ao Museu Municipal Carlos Reis.
(ler mais...)


Filarmónica Riachense celebra aniversário este sábado, dia 10 »  2018-02-08 

A Sociedade Velha Filarmónica Riachense celebra o 134.º aniversário no próximo sábado, dia 10 de Fevereiro, com um almoço seguido de concerto (17 horas). Esta importante colectividade do concelho de Torres Novas tem no seu currículo diversas distinções e menções, nomeadamente a “Grã-Cruz da ordem do Infante D Henrique – 1984”; “Associação cultural de Utilidade Publica – desde 1994”, “Medalha de Ouro da Cidade de Torres Novas – 1984” e “Mérito da Freguesia de Riachos – 1998 e 2010”.
(ler mais...)

 Mais lidas - Cultura (últimos 10 dias)
»  2018-04-23  Atalaia: arte urbana de Vhils homenageia oleiros